Pulou pro talvez

Por Vitória Cabral

Pra compor o texto que fiz hoje trouxe uma foto por  @Janribeiro

Lança Perfume-166

Olhou-se no espelho e repetiu três vezes o que já sabia não ser mais verdade. Abriu a porta e, para sanar seu minuto de lucidez e apagar de si o que não queria ver, tirou o batom da boca, meio borrado, em meios às lágrimas de si, meio meia.

Corria pela meta do instante que era – mas vai passar – precisa se curar daquela lucidez, precisa esquecer-se num canto qualquer e seguir o roteiro…

Parou de frente ao destino e pulou pro talvez.

4 Comentários on Pulou pro talvez

    • Vitória Cabral
      setembro 6, 2015 at 1:26 pm (3 anos ago)

      Obirgada, Camila, volte sempre <3
      Ah, temos alguns outros textos, clica na #textos e confere
      bjs

      Responder
  1. Karla
    outubro 20, 2015 at 3:52 pm (3 anos ago)

    Amei amei!!

    Responder
    • Vitória Cabral
      outubro 20, 2015 at 4:14 pm (3 anos ago)

      Você é uma lindaaaaa

      Responder

Deixe uma Resposta